O Taipei 101 com seus 141 andares é o maior edifício do mundo desde 2004 (Wikipédia). Por se localizar em uma das zonas de maior atividade sísmica do mundo, os engenheiros o projetaram com um contra-peso hidráulico em seu topo.

A questão é que o referido contra-peso pesa nada mais nada menos que 726 toneladas e fica litaralmente no topo do arranha-céu. Funciona da seguinte maneira: se a base vai para a direita, ele se move para a esquerda, corrigindo a "postura" do prédio. Para imaginar, pense você de pé sobre um muro: se o seu troca se move para um lado, automaticamente você tenta contra-balançar para o outro, buscando o equilíbrio. Física, meu amigo. E alguns milhões de dólares também.

São milhares de sensores ligados à base do prédio. Cada mínimo movimento o peso se balança, recolocando o prédio na vertical.

O contra-peso foi bem testado no último grande terremoto que atiniu a China (vizinha a Taiwan). Devido a sua gigantesca altura, o tremor que passou despercebido pela maioria dos taiwaneses fez a arma anti-terremoto do Taipi 101 trabalhar bastante.

Assistam o vídeo para entender melhor: